Ex-prefeito de Mauriti perde diretos políticos por abuso de poder Featured

Últimas Noticias Outubro 11 2017

O ex-prefeito de Mauriti, Evanildo Simão (PT) foi condenado em primeira instância a inelegibilidade de 8 anos. A decisão é do juiz Diogo Altorbelli Silva de Freitas e tem como base ação do Ministério Público Eleitoral (MPE). A denúncia foi feita pela Coligação Compromisso e Verdade, junto a 76ª Zona Eleitoral.

 

Segundo a denúncia, Evanildo recebeu diárias para viagens à Fortaleza, enquanto estava no município fazendo campanha política para sua reeleição. O fato teria acontecido entre os dias 8 e 12 de agosto de 2016. Evanildo justificou as diárias como visitas a Funasa (Fundação Nacional de Saúde), o que, não foi constatado pelo MPE.

 

O juiz Diogo Altorbelli, considerou a situação como abuso de poder econômico e político, enquadrando Evanildo na “Lei da Ficha Limpa”. A decisão cabe recurso ao Tribunal Regional Eleitoral (TRE).

 

 Fonte: madsonvagner.blogspot

Read 2677 times

Commentários

Share on Myspace

Compartilhar

COMPARTILHAR

Previsão do Tempo em Mauriti-CE

Agenda Cultural do Cariri

  • felix.jpg
  • juazeiro.jpg
  • 13.jpg
  • 25.jpg
  • 42.jpg
  • damiao2.jpg
  • lora.jpg
  • lovyle.jpg
  • moto2.jpg
  • net.jpg